A Mineração Vale Verde Ltda. (“MVV” ou “Empresa”) e a Appian Capital Advisory LLP (“Appian”) têm a satisfação de anunciar a primeira detonação e uma atualização da implantação do projeto Serrote de cobre e ouro (“Serrote”) localizado em Alagoas. A Appian anuncia também apoio ao combate à pandemia de COVID-19 no Brasil.

Destaques

  • Concluída a primeira detonação no Projeto Serrote, um marco significativo no desenvolvimento da mina a céu aberto, com mais de um milhão de toneladas de material movimentadas até hoje
  • Obras de construção e engenharia progredindo conforme planejado, com início de operação previsto para o segundo semestre de 2021
  • Discussões positivas continuadas com os parceiros de financiamento e contratos de offtake
  • Pacote de apoio beneficente de US$600.000 para ajudar a combater a COVID-19 no Brasil

A Mineração Vale Verde Ltda. (“MVV” ou “Empresa”) e a Appian Capital Advisory LLP (“Appian”) têm a satisfação de anunciar a primeira detonação e uma atualização da implantação do projeto Serrote de cobre e ouro (“Serrote”) localizado em Alagoas. A Appian anuncia também apoio ao combate à pandemia de COVID-19 no Brasil.

Primeira detonação e atualização da implantação
Em 20 de junho de 2020, a MVV realizou a primeira detonação no Projeto Serrote, atingindo um marco importante no desenvolvimento da mina, tendo o programa de pre-stripping (decapeamento) processado mais de um milhão de toneladas de material até o momento. A Empresa continua a reduzir riscos e avançar o Projeto Serrote conforme o cronograma e dentro do orçamento; o acompanhamento geral da execução mostra que aproximadamente 60% do projeto já foi concluído. As compras de bens e serviços estão se aproximando dos estágios finais, com 96% dos principais pacotes já contratados, estando o início de operação previsto para o segundo semestre de 2021.

A primeira detonação marca mais uma relevante meta de desenvolvimento alcançada após a conclusão do estudo de viabilidade definitivo (“DFS”) do projeto Serrote, anunciado anteriormente, que apresentou uma operação convencional de lavra a céu aberto com baixa relação estéril-minério produzindo 20ktpa de cobre equivalente com custos no segundo quartil, durante uma vida útil estimada de aproximadamente 14 anos. As robustas perspectivas econômicas do projeto descritas no DFS levaram a uma decisão positiva sobre a construção, com a Appian fornecendo todo o capital necessário para colocar o ativo em produção.

A MVV está tomando as precauções necessárias para garantir a saúde e segurança dos funcionários e comunidades locais e a continuidade da implementação do projeto na esteira da pandemia de COVID-19. Outros destaques recentes do desenvolvimento incluem:

  • Mais de 1.500 profissionais no local, incluindo terceirizados
  • Licença de instalação renovada pelo governo de Alagoas
  • Licença operacional para linha elétrica de 230kV emitida
  • Progresso relevante alcançado no andamento da construção de outras infraestruturas elétricas associadas
  • Mais de 10.000m de perfuração infill de pré-produção concluídos para propiciar maior resolução dos recursos no curto prazo e aprimorar o planejamento da mina de curto e médio prazo nos primeiros anos de operação
  • Conclusão da parede de terra armada do triturador primário e da ensecadeira para a barragem de rejeitos (“TSF”)
  • Construção e comissionamento da adutora de água e início da adução de água doce
  • Obras de terraplenagem para a planta de beneficiamento concluídas e obras civis bastante avançadas

A MVV está em discussões avançadas sobre o mecanismo de financiamento de projetos senior bank anunciado anteriormente, no valor de US$ 160 milhões, bem como outras opções de financiamento não diluidoras, e espera atingir o financial close no segundo semestre deste ano.

Próximos marcos
À medida em que o projeto Serrote continua progredindo conforme o planejamento de construção, a MVV está trabalhando para alcançar os seguintes marcos até o final de 2020:

  • Construção do vertedor e do túnel do sistema de canal de adução da barragem de rejeitos
  • Conclusão da fundação de concreto para a área de moagem e a estrutura primária do moinho
  • Energização do sistema elétrico de 230kV
  • Finalização dos contratos de compra mínima (offtake) do concentrado de cobre-ouro do Projeto Serrote
  • Fechamento de um aporte de capital não dilutivo para financiar o Capex restante da construção

Oportunidades de extensão da vida útil inicial da mina
A MVV está perseguindo diversas oportunidades para expandir os 14 anos de vida útil inicialmente previstos para a mina, com relevante mineralização definida fora do atual local do planejamento da mina, além de inúmeros depósitos-satélite a uma distância acessível por estrada da infraestrutura planejada da planta. Atualmente menos de 50% dos 112Mt de recursos globais estão contidos no planejamento da mina, mas há planos ativos de exploração e expansão em andamento para aumentar o estoque minável.

Além disso, a MVV está estocando os recursos de óxido da Serrote para beneficiamento futuro como parte das atividades de pre-stripping. Com 19Mt de recursos de óxido na Serrote contendo 0,5% de cobre e recursos adicionais de óxido próximos da superfície presentes em depósitos-satélites, a MVV está avaliando o beneficiamento de óxidos no local pelo processo SX-EW para produzir cátodos de cobre.

Apoio às comunidades locais no combate à COVID-19
O Brasil é um dos países mais afetados pela COVID-19 em todo o mundo. Para ajudar a combater a pandemia nas regiões em que as empresas de seu portfólio operam, a Appian anunciou um pacote de apoio de US$ 600.000 por meio de seu braço filantrópico, a Appian Way Charitable Foundation (“AWCF”). Até o momento, o apoio da AWCF incluiu a aquisição de 6.000 kits de teste rápido de Covid-19, 12.000 máscaras N95, 25.000 máscaras cirúrgicas brancas e 70 termômetros digitais de testa sem contato por infravermelho para uso em Alagoas, onde fica o projeto Serrote, e na Bahia, onde está localizado o projeto Santa Rita de níquel sulfetado.

A fundação AWCF também distribuiu mais de 40 toneladas de materiais embalados em kits de higiene e limpeza para os membros da comunidade, com todos os produtos adquiridos de forma a apoiar as empresas locais. Na Bahia, a AWCF também contribuiu para financiar uma unidade de saúde dedicada ao tratamento de pacientes com COVID-19. No campo da segurança alimentar, a AWCF distribuiu mais de 8 toneladas de alimentos para famílias em risco.

Essas ações complementam o trabalho da Appian junto com a MVV e a Atlantic Nickel para melhorar a qualidade de vida de crianças e mulheres carentes nas comunidades próximas às operações.

Paulo Castellari, CEO da MVV e da Appian Brasil, comentou:
“Estou satisfeito com o contínuo progresso na mina Serrote, e com a primeira detonação alcançamos outro importante marco em direção ao início da produção, que permanece previsto para o segundo semestre de 2021. As obras estão progredindo conforme o planejado, e seguimos nos apoiando nos fortes fundamentos do projeto para desenvolvê-lo dentro do cronograma e do orçamento.

O projeto Serrote continua demonstrando robustas perspectivas econômicas com potencial de upside, e estamos vendo um forte interesse de parceiros de offtake e financiamento, o que enfatiza o progresso que a MVV e a Appian alcançaram na redução de riscos e no desenvolvimento do projeto, juntamente com a atratividade do concentrado de cobre-ouro de alto teor da mina.

Os esforços ambientais, sociais e de governança continuam sendo fundamentais para nossa empresa, e tenho orgulho de nossas ações para ajudar a combater a pandemia de COVID-19 no Brasil, para apoiar e fazer parceria com as comunidades onde operamos.”

Para mais informações:
Finsbury  +44 (0)20 7251 3801 / AppianCapital-LON@finsbury.com
Charles O’Brien, Ruban Yogarajah, Richard Crowley
Appian Capital Advisory +44 (0)20 7004 0951 / info@appiancapitaladvisory.com
Michael W. Scherb, Guy de Freitas

Sobre a Mineração Vale Verde Ltda.
A Mineração Vale Verde está implementando o projeto Serrote, um ativo greenfield de cobre e ouro, no estado de Alagoas, em estágio avançado de desenvolvimento, com riscos reduzidos, e que possui todas as principais licenças. Sediada em Belo Horizonte, a empresa conta, no local da mina, com uma equipe de gestão altamente capacitada com extensa experiência no Brasil e no exterior.

Após a aquisição da mineração pela Appian em meados de 2018, foi concluído um estudo de viabilidade definitivo (DFS) atualizado que mostrou uma mina com vida útil inicial de 14 anos, produzindo aproximadamente 20 mil toneladas de cobre equivalente por ano de concentrado premium de alto teor. Espera-se que o projeto Serrote fique bem posicionado no segundo quartil da curva de custos de cobre com base no custo caixa total.

A MVV está perseguindo diversas oportunidades para expandir os 14 anos de vida útil inicialmente previstos para a mina, com relevante mineralização definida fora do atual local do planejamento da mina, além de inúmeros depósitos-satélite a uma distância acessível por estrada da infraestrutura planejada da planta. Atualmente menos de 50% dos 112Mt de recursos globais estão contidos no planejamento da mina, mas há planos ativos de perfuração e expansão em andamento para aumentar o estoque minável.

Sobre a Appian Capital Advisory LLP
A Appian Capital Advisory LLP é gestora de fundos de private equity focados em investimento em valor a longo prazo que investem somente em mineradoras ou empresas relacionadas à mineração.

A Appian é a principal consultoria em investimentos com foco na indústria de metais e mineração, com experiência internacional de atuação na América do Sul, América do Norte, Austrália e África, e um histórico de sucessos apoiando empresas a atingirem suas metas. Seu portfólio operacional internacional engloba cerca de 3.000 profissionais.

Sobre a Instituição Filantrópica Appian Way
A Appian Way Charitable Foundation (‘AWCF’) é o braço filantrópico da Appian. A Appian considera os padrões sociais, ambientais e de governança como elementos cruciais em todas as oportunidades de investimento e empresas de sua carteira.

O foco principal da AWCF são as crianças, as mulheres e os desfavorecidos e ela busca contribuir para a saúde e a educação igualitária das crianças das comunidades e principais regiões onde a Appian investe, com o objetivo de contribuir para retirar pessoas da pobreza, melhorar a estabilidade ambiental e a saúde a longo prazo e empoderar mulheres e meninas.

error: Alert: Content is protected !!